Fut F-1 volta com os campeões estaduais

on Comments: (11)

Depois de alguns meses fora por compromissos acadêmicos e profissionais, o FutF-1 retorna às suas atividades, ainda que esporádicas, para parabenizar os campeões estaduais.


FLUMINENSE É CAMPEÃO CARIOCA
Era uma missão quase impossível para o Botafogo, que foi goleado no jogo de ida por 4X1 para os tricolores. No jogo de volta, no último domingo (13), o Fluminense saiu com uma vitória pelo placar mínimo com um gol marcado por Rafael Moura em jogada de puro oportunismo após erro da zaga do Botafogo.

Com esse título, o tricolor chega aos 31 títulos estaduais, um a menos que o Flamengo, maior vencedor do Campeonato Carioca. O Flu quebrou um jeju, de sete anos sem títulos estaduais.

HINO DO FLUMINENSE
Sou tricolor de coração.
Sou do clube tantas vezes campeão.
Fascina pela sua disciplina,
O fluminense me domina.
Eu tenho amor ao tricolor!
Salve o querido pavilhão,
Das três cores que traduzem tradição:
A paz, a esperança e o vigor.
Unido e forte pelo esporte,
Eu sou é tricolor!
Vence o fluminense
Com o verde da esperança,
Pois quem espera sempre alcança.
Clube que orgulha o brasil,
Retumbante de glórias e vitórias mil!
Sou tricolor de coração.
Sou do clube tantas vezes campeão.
Fascina pela sua disciplina,
O fluminense me domina.
Eu tenho amor ao tricolor!
Salve o querido pavilhão,
Das três cores que traduzem tradição:
A paz, a esperança e o vigor.
Unido e forte pelo esporte,
Eu sou é tricolor!
Vence o fluminense
Com sangue do encarnado,
Com amor e com vigor.
Faz a torcida querida
Vibrar com a emoção do tricampeão!
Vence o fluminense,
Usando a fidalguia.
Branco é paz e harmonia.
Brilha com o sol da manhã,
Qual luz de um refletor.
Salve o tricolor!!!
SANTOS É TRICAMPEÃO PAULISTA

Tal qual na Era Pelé, o Peixe vem alcançando total hegemonia no futebol paulista. No jogo de ida, o Santos derrotou o Guarani por 3X0, com uma bela atuação de Neymar.

Na partida decisiva no Morumbi, o Bugre ainda tentou reagir marcando dois gols, mas Neymar, novamente inspirado marcou dois dos quatro gols santistas, que deram o tri-campeonato para a equipe da Vila Belmiro.

HINO DO SANTOS

Agora quem dá a bola é o Santos
O Santos é o novo campeão
Glorioso alvinegro praiano
Campeão absoluto desse ano

Santos, sempre Santos
Dentro ou fora do alçapão
Jogue o que jogar
És o Leão do Mar
Salve o nosso campeão
GALO É CAMPEÃO INVICTO
Após 36 anos, o Atlético Mineiro tornou a conquistar o título de campeão mineiro sem sofrer derrotas. 
O Galo, que havia empatado o jogo de ida em 1X1, jogou a partida decisiva e derrotou o América-MG pelo placar de 3X0, com dois gols da revelação Bernard e um de Serginho.
O Atlético chegou ao seu 41º título mineiro e desde 1976 que não o conquistava de forma invicta.
HINO DO ATLÉTICO MINEIRO
Nós somos
Do Clube Atlético Mineiro
Jogamos com muita raça e amor
Vibramos com alegria nas vitórias
Clube Atlético Mineiro
Galo Forte Vingador.
Vencer, vencer, vencer
Este é o nosso ideal
Honramos o nome de Minas
No cenário esportivo mundial
Lutar, lutar, lutar
pelos gramados do mundo pra vencer
Clube Atlético Mineiro
Uma vez, até morrer
Nós somos campeões do gelo
O nosso time é imortal
Nós somos campeões dos Campeões
Somos o orgulho do Esporte Nacional
Lutar, lutar, lutar
Com toda nossa raça pra vencer
Clube Atlético Mineiro
Uma vez até morrer
INTER VIRA  E É BICAMPEÃO GAÚCHO
Parecia tarefa fácil para o Internacional: jogar uma decisão contra um time do interior seria muito tranquilo. Mas estavam enganados, do outro lado havia o tradicional Caxias, campeão do primeiro turno do Gauchão.
Os colorados tinham a vantagem de um empate sem gols para sair com o título, mas quem abriu o placar foi o Caxias com Michel aos 26 do primeiro tempo.
No segundo tempo, Nei sobrou pênalti, que foi defendido pelo goleiro Paulo Sérgio, do Caxias. Aos 21, Sandro Silva. Cinco minutos depois, o artilheiro Leandro Damião, marcou o gol da virada de cabeça, dando o 41º título ao colorado gaúcho.
HINO DO INTERNACIONAL
Glória do desporto nacional
Oh, Internacional
Que eu vivo a exaltar
Levas a plagas distantes
Feitos relevantes
Vives a brilhar
Correm os anos surge o amanhã
Radioso de luz, varonil
Segue a tua senda de vitórias
Colorado das glórias
Orgulho do Brasil
É teu passado alvi-rubro
Motivo de festas em nossos corações
O teu presente diz tudo
Trazendo à torcida alegres emoções
Colorado de ases celeiro
Teus astros cintilam num céu sempre azul
Vibra o Brasil inteiro
Com o clube do povo do Rio Grande do Sul
FINAL ELETRIZANTE NA BAHIA
Partida para testar o coração do torcedor baiano. O clássico Ba-Vi, no jogo de ida havia terminado em 0X0 no Barradão. A decisão ficou para a casa do Bahia, no Pituaçu.
Bahia e Vitória empataram em 3X3, com o tricolor baiano chegando a estar vencendo por 2X1 e permitiu a virada do rival rubro-negro por 3X2. O gol da festa do Bahia foi marcado por Diones, nos minutos finais.
A partida chegou a ter acréscimo de mais cinco minutos no segundo tempo e o Bahia ainda teve Souza expulso de campo. Mas após o apito final, a maior torcida do estado festejou o fim de um jejum de onze anos sem um título estadual.
HINO DO BAHIA
Somos da turma tricolor
Somos a voz do campeão
Somos do povo um clamor
Ninguém nos vence em vibração
Vamos avante esquadrão
Vamos serás um vencedor
Vamos conquistar mais um tento
BAHIA, BAHIA, BAHIA!
Ouve esta voz que é teu alento
BAHIA, BAHIA, BAHIA!
Mais um, mais um Bahia
Mais um mais um título de glória
Mais um, mais um Bahia
É assim que se resume a sua história.
SANTA CRUZ LEVA O BI EM PERNAMBUCO
A cobra coral voltou a morder forte no Estado de Pernambuco. O Santa levantou o bi-campeonato pernambucano vencendo o Sport Recife por 3X2, quebrando a tentativa do Leão do Norte de retomar a hegemonia.
Os gols santacruzenses foram marcados por Branquinho, Denis Marques e Luciano Henrique. O Sport anotou com Moacir e Edcarlos.
Péssimo presente para o Sport, que no último domingo completou 107 anos de fundação, perdendo o título estadual em casa.
HINO DO SANTA CRUZ
Santa Cruz Santa Cruz
Junta mais esta vitória
Santa Cruz Santa Cruz
Ao teu passado de glória
És o querido do povo 
O terror do Nordeste 
No gramado tuas vitórias de hoje
Nos lembram vitórias do passado
Clube querido das multidões
Tu és o super campeão
OUTROS CAMPEÕES ESTADUAIS
Ceará: Ceará
Espírito Santo: Aracruz
Goiás: Goiás
Mato Grosso: Luverdense
Mato Grosso do Sul: Águia Negra
Pará: Cametá
Paraíba: Campinense
Paraná: Coritba
Rio Grande do Norte: América-RN
Santa Catarina: Avaí

CARTA DE DESPEDIDA DO FUT-F1..OU NÃO

on Comments: (1)

Rio de Janeiro, 29 de Janeiro de 2012,

Escrevo esse texto para anunciar a despedida do blog.

O motivo é mais por falta de tempo, com estágio e outros compromisso, ficou mais difícil manter o blog.

O blog ficará fechado por algum tempo até eu conseguir tempo para me dedicar a ele completamente. Mas minhas atividades de blogueiro esportivo não terminaram.

A partir de fevereiro farei uma coluna no blog "Leitura Esportiva", do meu amigo Wilson Hebert, colega de faculdade e companheiro de Debatsports. A coluna será sobre fatos históricos do futebol, mais ou menos como era o "Sessão Memória" do Fut.

Agradeço a compreensão e a atenção de internautas do mundo inteiro nesses três anos de blog

Obrigado

Leonardo Fernandes (editor do FutF-1)

FOI DADA A LARGADA PRO CARIOCÃO 2012

on Comments: (6)



Neste sábado às 17 horas a bola voltará a rolar nos gramados do Estado do Rio de Janeiro. Com 106 anos de história, rivalidade e muito charme, o Campeonato Carioca reinicia trazendo duas novidades: as voltas de Bonsucesso, que estava fora da primeira divisão desde 1993 e do Friburguense, que foi o campeão da Série B carioca de 2011.


Três dos quatro grandes clubes estão disputando a Libertadores, por isso o mais provável é que eles utilizem equipes mistas durante a competição. O Botafogo que não tem nada a perder vai usar sua força total com o seu novo treinador Oswaldo de Oliveira. O Flamengo, que está vivendo uma crise dentro e fora de campo vai usar um time formado em sua maioria por jogadores das categorias de base. Vasco e Fluminense vão usar o Carioca como preparatório para a Libertadores, dando chances a jogadores que não cosutmam ser escalados.


O Carioca de 2012 terá 16 clubes divididos em dois grupos de oito equipes cada uma. O primeiro turno será disputado entre equipes dentro da mesma chave, os dois primeiros colocados de cada um disputará as semifinais, os vencedores das semis farão a final que decidirá o campeão da Taça Guanabara. No segundo turno, a Taça Rio, o regulamento é quase o mesmo. A única mudança é que os times enfrentam os clubes da outra chave. Caso um mesmo time ganhe os dois turnos, ele será declarado Campeão Carioca. Caso contrário, os dois turnos sejam conquistados por clubes diferentes, será feita uma final de dois jogos para definir o campeão.


Hoje teremos quatro partidas para iniciar o Estadual. Destaque para Flamengo X Bonsucesso e Fluminense X Friburguense, começamdo às 17 horas.


Confira os grupos do Campeonato Carioca


GRUPO A

Flamengo

Botafogo

Olaria

Resende

Nova Iguaçu

Macaé

Madureira

Bonsucesso


GRUPO B

Fluminense

Vasco

Boavista

Americano

Duque de Caxias

Volta Redonda

Bangu

Friburguense


CAMPEÕES CARIOCAS

1906 Fluminense

1907 Botafogo e Fluminense

1908 Fluminense

1909 Fluminense

1910 Botafogo

1911 Fluminense

1912 Paissandu

1913 América

1914 Flamengo

1915 Flamengo

1916 América

1917 Fluminense

1918 Fluminense

1919 Fluminense

1920 Flamengo

1921 Flamengo

1922 América

1923 Vasco

1924 Vasco

1925 Flamengo

1926 São Cristóvão

1927 Flamengo

1928 América

1929 Vasco

1930 Botafogo

1931 América

1932 Botafogo

1933 Bangu

1934 Vasco

1935 América

1936 Vasco

1937 Fluminense

1938 Fluminense

1939 Flamengo

1940 Fluminense

1941 Fluminense

1942 Flamengo

1943 Flamengo

1944 Flamengo

1945 Vasco

1946 Fluminense

1947 Vasco

1948 Botafogo

1949 Vasco

1950 Vasco

1951 Fluminense

1952 Vasco

1953 Flamengo

1954 Flamengo

1955 Flamengo

1956 Vasco

1957 Botafogo

1958 Vasco

1959 Fluminense

1960 América

1961 Botafogo

1962 Botafogo

1963 Flamengo

1964 Fluminense

1965 Flamengo

1966 Bangu

1967 Botafogo

1968 Botafogo

1969 Fluminense

1970 Vasco

1971 Fluminense

1972 Flamengo

1973 Fluminense

1974 Flamengo

1975 Fluminense

1976 Fluminense

1977 Vasco

1978 Flamengo

1979 (especial) Flamengo

1979 Flamengo

1980 Fluminense

1981 Flamengo

1982 Vasco

1983 Fluminense

1984 Fluminense

1985 Fluminense

1986 Flamengo

1987 Vasco

1988 Vasco

1989 Botafogo

1990 Botafogo

1991 Flamengo

1992 Vasco

1993 Vasco

1994 Vasco

1995 Fluminense

1996 Flamengo

1997 Botafogo

1998 Vasco

199 Flamengo

2000 Flamengo

2001 Flamengo

2002 Fluminense

2003 Vasco

2004 Flamengo

2005 Fluminense

2006 Botafogo

2007 Flamengo

2008 Flamengo

2009 Flamengo

2010 Botafogo

2011 Flamengo