SESSÃO MEMÓRIA:JUBILEU DE PRATA DO MUNDIAL GREMISTA

on

Hoje, com um dia de atraso, venho parabenizar a torcida gremista pelos 25 anos de seu único Mundial Interclubes, conquistado no dia 11 de dezembro de 1983 no Estádio Nacional de Tóquio, diante do Hamburgo, da Alemanha.


Conquista histórica, na base da garra e da raça gaúcha, o Grêmio garantiu o direito de disputar o Mundial de 1983 após vencer o Peñarol do Uruguai na final da Taça Libertadores.


Os gremistas desembarcaram em Tóquio como meros azarões, já que o Hamburgo havia sido campeão da Champions Leag

ue e tinha um time bastante forte, mas a história começou a ser mudada dentro de campo.


Os gremistas deram um lição de futebol nos alemães, aos 37 da primeira etapa, Renato Portaluppi, que mais tarde seria conhecido como Renato Gaúcho marcou o primeiro gol da partida, explodindo a torcida brasileira presente no estádio. Aos 40 do segundo tempo, Schröeder, empatou para os europeus.


Mas a tensão durou pouco, o jogo foi para a prorrogação,

e aos 3 minutos, Renato Portaluppi, novamente, fez um carnaval na área do Hamburgo e marcou o gol gremista, o gol do título.


Festa azul no Rio Grande do Sul, a metade tricolor da capital gaúcha foi às ruas para festejar o tíutlo Mundial e venerar Renato pela conquista.


Parabéns, torcida gremista!!!!



HINO DO GRÊMIO
Autor:Lupcínio Rodrigues
Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

50 anos de glória
Tens imortal tricolor
Os feitos da tua história
Canta o Rio Grande com amor

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Nós como bons torcedores
Sem hesitarmos sequer
Aplaudiremos o Grêmio
Aonde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver

Lara o craque imortal
Soube seu nome elevar
Hoje com o mesmo ideal
Nós saberemos te honrar

Até a pé nós iremos
Para o que der e vier
Mas o certo e que nós estaremos
Com o Grêmio onde o Grêmio estiver


Grêmio Campeão Mundial de 1983
Em pé:Paulo Roberto, Mazaropi, Baidek, China, Paulo César e Hugo De León
Agachados:Renato, Osvaldo, Tarciso, Paulo Cézar Caju e Mário Sérgio
Técnico:Waldyr Espinosa

4 comentários:

Douglas Martins disse...

o Maior titulo do meu time tricolor, foi sofrido como todos os outros desse grande time, tenho orgulho de ser gaucho e gremista.
Parabens Leo pelo texto em homenagem ao meu tricolor.

Pâm SãoPauliNa-RP disse...

Oiee tudo bem??
Da hora o post...gostei da foto rsrs
Gremio grande time e sempre foi
rsrsrs
BjO***

Ikki disse...

Léo, não é BODAS de Prata, é JUBILEU DE PRATA!!

Gremista Fanático disse...

Cara valeu pela homenagem ao Grêmio, esse titulo representa muito pra todos os gremistas e sera sempre lembrado como o primeiro titulo mundial de um clube gaucho, abração, valeu mesmo.
Saudações do Gremista Fanático.