Blogosfera na África 2010:Grupo A-França

on


Chegou a hora de mais um capítulo do quadro "Blogosfera na África", desta vez falaremos da história da seleção da França em Copas do Mundo, a atual vice-campeã do mundo e que estará pela décima terceira vez em um Mundial.

Os franceses estiveram presentes na primeira edição da Copa do Mundo, em 1930, no Uruguai, onde mesmo eliminados na primeira fase, conseguiram um sétimo lugar. Na Copa seguinte, em 34, ficaram em décimo lugar, não passando da primeira fase novamente. Em 1938, ganharam a oportunidade de sediar o Mundial, mas acabaram se saindo mal, apenas em oitavo lugar, caindo na segunda fase.A França não participou da Copa do Mundo no Brasil em 1950, mas voltou em 1954, na Suíça, mais um fracasso, ficando apenas em nono lugar, ficando pelo caminho na primeira fase.

As coisas começaram a mudar para os Le Bleus em 1958, na Suécia, onde fizeram uma excelente campanha e tiveram como seu comandante o argelino Just Fontaine (foto), artilheiro daquela Copa com 13 gols. Os franceses sucumbiram diante do Brasil com uma goleada por 5X2 nas semi-finais. Mas ficaram com o terceiro lugar após golearem a Alemanha Ocidental pelo placar de 6X3.

A França não jogou a Copa de 62, no Chile. Sem Fontaine, contudido gravemente, a seleção perdeu a sua maior estrela e consequentemente a vaga pro Mundial. Eles reapareceram em 1966, na Inglaterra onde novamente não passaram da primeira fase, ficando só em 13º lugar.

Após ficarem ausentes das Copas de 1970 e 1974, a França volta em 1978 na Argentina, com uma seleção completamente renovada. Era um grupo formado por jogadores bastante jovens como:Jean Tiganá, Alain Girrèse e Michel Platini (foto). Infelizmente, eles repetiram a tradição de cair fora na primeira fase, ficando com o 12º lugar. A boa fase dessa geração só seria confirmada na Copa de 1982, na Espanha, quando ficaram com o quarto lugar, perdendo para a Alemanha Oriental nas semi-finais nos pênaltis.Na disputa pelo terceiro lugar, eles perderam para a Polônia por 3X2. Em 1984, esse mesmo grupo conquistaria a Eurocopa numa final contra a Espanha e os Jogos Olímpicos de Los Angeles, derrotando o Brasil na final. Em 1986, foi o apogeu dessa seleção. Mais experientes e até apontados como favoritos, eles chegaram a eliminar o Brasil nas quartas de final nos pênaltis. Nas semis, eles tiveram a Alemanha no caminho, e pederam de novo por 2X0. Na disputa pelo terceiro lugar, derrotaram a Bélgica, a surpresa da Copa pelo placar de 4X2, ficando assim em terceiro.

Novamente os Le Bleus ficaram fora de duas Copas seguidas: 1990, na Itália e 1994, nos Estados Unidos. Mas a Copa de 98 seria jogada em solo francês então eles resolveram fazer a melhor seleção francesa de toda a história. Juntaram uma geração de jogadores que estava brilhando na Europa como:Lilian Thuran, Thierry Henry, Laurent Blanc, Petit, e claro, o líder daquele grupo:Zinedine Zidane (foto). A França caiu no grupo C com África do Sul, Dinamarca e Arábia Saudita. Na estreia eles pegaram os sul-africanos e derrotaram por 3X0.Na partida seguinte, eles goleraram a Arábia Saudita por 4X0, garantindo a vaga para a segunda fase antecipadamente. Na última partida da fase de grupos, eles passaram pela Dinamarca por 2X1, terminando com nove pontos, em primeiro lugar do grupo. Nas oitavas, eles pegaram o Paraguai, melhor defesa da Copa e na prorrogação venceram por 1X0 com gol de Laurrent Blanc. Nas quartas, empataram com a Itália em 0X0, na prorrogação o resultado se repetiu, nos pênaltis deu França por 4X3. Nas semis, pegaram a surpreendente Croácia e os Le Bleus os venceram de virada por 2X1, com dois gols de Lilian Thuran. Na final eles golearam o Brasil por 3X0 e saíram da Copa como Campeões do Mundo.

Em 2002 eles tentaram repetir a base para a Copa Coreia-Japão, pois com esse mesmo grupo, sagraram-se bi-campeões da Eurocopa de 2000. Mas em solo asiático, foi um verdadeiro fracasso. A França caiu num grupo com Senegal, Uruguai e Dinamarca. Mas acabou sendo eliminada na primeira fase, com apenas um ponto e sem marcar gols, ficando com o vergonhoso 28º lugar. Para a Copa de 2006, na Alemanha, foi feita uma reformulação em toda a equipe e estava dando bons resultados, os franceses foram campeões da Copa das Confederações em 2003. E o time foi bem na Alemanha, eliminando o Brasil novamente nas quartas de final com um gol de Henry. Mas o sonho do bi-mundial parou nos pênaltis diante da Itália.

Clique aqui e confiram a campanha pré-Copa e as últimas informações da França no "Futebol, Música, Etc".


Confira a vitória da França por 3X0 sobre o Brasil na final da Copa de 1998.

2 comentários:

carol sakurá disse...

Parabéns pelo projeto!
Acredito que a França seja uma forte cadidata ao mundial,mas tenho pavor dela...rs.
Bjão!

Anônimo disse...

E aí Léo, boa a sua ideia e a do Wilson.

A França cresceu muito, é uma seleção perigosa, que pode se dar bem nesse ano. Mais como não me simpatizo muito com essa seleção, pode repetir outras pífias campanhas, e quem sabe serrem eliminados na primeira fase.

Abraços.

André Peixoto